Blog Visão Geral - Você bem informado!

Jornalista Marcelo Rezende revela que está com câncer

Aos 65 anos, o apresentador da Rede Record Marcelo Rezende está com câncer no pâncreas. Ele revelou a informação no programa Domingo Espetacular na noite de domingo (14). A entrevista, na casa de Rezende, em Santana do Parnaíba, São Paulo, foi gravada horas antes de ele se submeter a quimioterapia. O apresentador está afastado do programa Cidade Alerta

Acesse a página do blog no facebook

Sampaio vence o Moto no jogo de estreia pela série C do campeonato Brasileiro

A estreia com três pontos no Campeonato Brasileiro da Série C, com vitória sobre o rival, Moto Club, colocou o Sampaio na dianteira da tabela, ao lado do CSA, adversário do próximo sábado. O confronto será novamente no estádio Castelão, às 16h.

Peça de muita mobilidade no meio campo boliviano, Diego Silva deu o passe para o gol de Maracás, e quase marca em outra oportunidade. O jogador celebra a boa partida e o bom início na competição: “Começamos do jeito que planejamos, e isso é muito importante. Tive uma oportunidade de deixar o meu, mas, infelizmente, a bola subiu demais. Valeu pela vitória e por toda a dedicação do grupo”, ressaltou o volante Tricolor.

Após superar o primeiro obstáculo, Diego pede pés no chão e planeja o segundo confronto: “Foi um resultado muito importante, mas ainda não ganhamos nada. Temos que nos preparar bem e manter a mesma pegada para enfrentar o CSA, que também será um adversário muito difícil”, frisou.

Acesse a página do blog pelo facebook

Hackers invadem computadores de 74 países

Um ataque cibernético, em escala mundial, derrubou sistemas de comunicação de empresas e serviços públicos em 74 países. O caso mais grave, colocando vidas em risco, aconteceu no Reino Unido. Hospitais públicos foram atingidos, com sequestro de informações de pacientes e desvios de ambulâncias. Uma mensagem na tela pedia um resgate de trezentos dólares por computador afetado. 

Acesse a página do blog no facebook

Prefeita Fernanda Gonçalo homenageia as mães bacabeirenses

A prefeita de Bacabeira, Fernanda Gonçalo, reuniu dezenas de mães na manhã deste sábado (13), na Escola Osvaldino de Sousa, em Peri de Baixo, para comemorar o Dia das Mães. Uma ação social foi montada no local com atendimentos médicos (clínico geral, saúde bucal, vacinas e testes de glicemia e aferição de pressão), bazar comunitário e cadastros para os Programas Bolsa Família, Leite é Vida e Cartão do Idoso e distribuição de 200 presentes.

Fernanda Gonçalo disse que toda a programação foi pensada para que todas as mães pudessem ser beneficiadas. “Como prefeita e mãe, sei a importância da missão de conceber, educar e amar incondicionalmente os filhos. Por isso quero parabenizar todas as mães de Bacabeira e reafirmar o nosso compromisso de trabalhar para promover uma educação de qualidade e buscar projetos que vão trazer desenvolvimento para o município”, afirmou.

O evento contou com a parceria dos secretários Jefferson Calvet (Saúde); Lucas Lindoso (Chefe de Gabinete); Josivaldo Corrêa (Administração), Normando Bastos (Infraestrutura), Reginaldo Calvet (Urbanismo); Fábio Torres (Semdes); Ubirajara Torres (vice-prefeito e secretário de Esportes); Olga Calvet (Educação); Iranildes Rego (Mulher); Mateus Linhares (Portos) e Ramon França (Pesca).

Entre os prêmios sorteados estavam máquina de lavar, fogão, bicicletas, churrasqueiras elétricas, panelas de pressão, batedeira, conjunto de xícaras, ferros de engomar, faqueiros, ventiladores, sanduicheiras, panelas elétricas, conjunto de copos, panelas de pressão, batedeiras, micro system, garrafas térmicas, liquidificadores, conjunto de panelas, kits de toalhas e cestas básicas.

A mãe sorteada com a máquina de lavar foi Luzia Princesa Silva. “Estou imensamente feliz e agradecida a prefeita Fernanda Gonçalo. Sempre tive vontade de ter uma máquina de lavar”, disse, emocionada. A comemoração contou ainda com a presença do vice-prefeito de Santa Rita, Ariston e os dos vereadores de Bacabeira Thabal, Carvalho, Kellyane, Magno, Arrumadinho e Vanderlan.  

 

                                                                                                                   

Bem-vindos ao blog Visão Geral

Olá pessoal !!

O Blog Visão Geral foi criado para que possamos dividir com todos vocês as informações da região, do estado, do país e do mundo.

Eu sou Conceição Torres, formada em Jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão (Ufma) e o Jhonys Calvet é universitário de Marketing e Publicidade.

Sua presença aqui no blog é muito importante ! E nós contamos com a sua participação.

Acesse a página do blog no facebook

 

Time for Cardiff”: Dani Alves marca, Juve decide no 1º tempo e vai à final da Champions

Em reunião na tarde desta terça-feira em Manama, no Bahrein, o Conselho da Fifa confirmou a divisão de vagas na Copa do Mundo a partir de 2026, quando o torneio passa a ser disputado por 48 seleções. A Conmebol, que tem 10 integrantes, terá seis vagas diretas e mais uma via repescagem. Hoje, com 32 vagas na Copa, o continente tem direito a quatro lugares diretos e mais um na repescagem.

Na nova divisão, a Europa (Uefa) passará a ter três vagas a mais; as eliminatórias africanas (CAF) darão quatro postos além da quantidade atual e ainda valerão um lugar na repescagem; a Ásia (AFC) também terá mais quatro vagas; as América do Norte e Central terão mais três postos para disputarem; e a Oceania enfim terá um posto garantido.

Fonte: Globo Esporte

GILMAR VÊ PRESOS DA LAVA JATO COMO REFÉNS EM SEU TERROR MIDIÁTICO

Na mira da cúpula da Lava Jato por ter votado contrariamente à manutenção das alongadas prisões preventivas que se tornaram corriqueiras na operação, o ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes ressaltou a importância da força-tarefa, mas não poupou críticas ao que considera arbitrariedades. 

Em entrevista à colunista Mônica Bergamo, na Folha de S.Paulo, Gilmar afirmou que, para ter apoio da opinião pública, a Lava Jato faz de seus presos “reféns”. 

“Como tem sido divulgado [por integrantes da Lava Jato], o sucesso da operação dependeria de um grande apoio da opinião pública. Tanto é assim que a toda hora seus agentes estão na mídia, especialmente nas redes sociais, pedindo apoio ao povo e coisas do tipo.

É uma tentativa de manter um apoio permanente [à Lava Jato]. E isso obviamente é reforçado com a existência, vamos chamar assim, entre aspas, de reféns.

[Os reféns seriam] os presos. Para que [os agentes] possam dizer: ‘Olha, as medidas que tomamos estão sendo efetivas’. Não teria charme nenhum, nesse contexto, esperar pela condenação em segundo grau para o sujeito cumprir a pena.

Tudo isso faz parte também de um jogo retórico midiático”, afirmou.

Fachin

Na entrevista, Gilmar criticou ainda o relator da Lava Jato no Supremo, Edson Fachin, que, diante das sucessivas derrotas na 2ª Turma, encaminhou o julgamento do pedido de habeas corpus de Antonio Palocci para o plenário da casa.

“Se eu fosse fazer um reparo, é de forma: a questão teria que ser conversada na turma. E evidentemente isso não pode virar uma prática, de toda vez que [um ministro] entender que possa ficar em desvantagem na turma, leve o tema ao plenário.

Se esse debate continuar, daqui a pouco vai ter gente dizendo em que turma quer ser julgado. Assim como se diz ‘ah, a 2ª Turma é liberal’, alguém poderá dizer ‘a 1ª Turma é uma câmara de gás’, disse.

Covardes

Gilmar Mendes disse que entende as polêmicas em que está envolvido e que não se abala por elas. 

“A tentativa de jogar a opinião pública contra juízes parece legítima no jogo democrático. Mas ela não é legítima quando é feita por agentes públicos. O que se quer no final? Cometer toda a sorte de abusos e não sofrer reparos.

Há uma frase de Rui Barbosa que ilustra tudo isso: o bom ladrão salvou-se mas não há salvação para o juiz covarde”, completou.

Fonte: Brasil247

A guerra entre as facções jurídicas do golpe

Há uma guerra ruidosa e mal cheirosa instalada entre as facções jurídicas do golpe. Numa trincheira desta guerra está a força-tarefa da Lava Jato. Na outra trincheira está o pólo comandado pelo juiz tucano do STF Gilmar Mendes.

Nesta guerra, a Rede Globo está do lado da força-tarefa da Lava Jato, com quem forma a ditadura jurídico-midiática que manieta um cada vez mais cambaleante Michel Temer.

As escaramuças entre o pólo golpista comandado por Gilmar Mendes e a turma do Moro, Janot e Dallagnol se acentuaram precisamente no momento em que ficou impossível esconder a corrupção das lideranças do PSDB. Gilmar teve, então, de maneirar a artilharia anti-petista depois que FHC, Alckmin, Aécio, Serra e os esquemas industriais de corrupção do PSDB foram revelados pelos diretores da Odebrecht e de outras empreiteiras.

A passagem das escaramuças à guerra aberta deu-se num pequeno passo. A batalha mais recente desta guerra foi o inédito pedido do procurador-geral para que o STF considere Gilmar Mendes suspeito e, portanto, impedido de atuar no julgamento de ações judiciais de interesse de Eike Batista, uma vez que Guiomar Mendes, esposa do juiz tucano, é sócia do escritório de advocacia que defende o empresário e dele recebe honorários advocatícios [!!].

Janot argumentou que “A situação evidencia o comprometimento da parcialidade do relator do habeas corpus […] tendo ele [Gilmar] incidido em hipótese de impedimento ou, no mínimo, de suspeição”. O pedido do procurador-geral se ampara no artigo 144 do Código de Processo Civil [CPC], que proíbe um juiz exercer funções no processo “em que figure como parte cliente do escritório de advocacia de seu cônjuge, companheiro ou parente, consanguíneo ou afim, em linha reta ou colateral, até o terceiro grau, inclusive, mesmo que patrocinado por advogado de outro escritório” [inciso VIII].

Janot pediu ainda que o STF “declare a nulidade dos atos decisórios por ele praticados”, ou seja, que anule aquele habeas corpus que Gilmar concedeu a Eike Batista marotamente depois das 19 horas da sexta-feira 28 de abril, véspera de feriadão com o noticiário dominado pela greve geral.

Sobram motivos [e falta coragem] ao Senado para aplicar o inciso 2 do artigo 52 da CF e instalar o processo de impeachment do Gilmar Mendes, cuja atuação partidária ofende a Constituição, a Lei Geral e o Código de Ética da Magistratura e o CPC. O procurador-geral acabou de oferecer mais um motivo à ampla coleção de razões para que Gilmar seja ejetado da esfera jurídica e estimulado a assumir protagonismo na arena partidária, porém sem o disfarce da toga.

Com esta ação inédita contra um juiz do STF, Janot tenta fortalecer o poder da sua corporação e da ditadura Globo-Lava Jato no tabuleiro do golpe. O procurador-geral não está preocupado com a decência e a moral pública, mas com o jogo de poder que se trava no interior do regime de exceção.

Se assim não fosse, e se Janot de fato estivesse comprometido com o Estado de Direito e com a lisura dos atos jurídicos, ele deveria ter arguido a suspeição do Gilmar em 18 de março de 2016, quando o juiz tucano atendeu o pedido do PSDB e do PPS e impediu a posse do ex-presidente Lula na Casa Civil.

A autora daquele descabido pedido que sequestrou a prerrogativa constitucional da Presidente Dilma nomear seus ministros foi a advogada Marilda de Paula Silveira – professora e coordenadora da pós-graduação no Instituto Brasiliense de Direito Público [IDP], que tem Gilmar Mendes como sócio-proprietário.

Naquele março de 2016, Janot prevaricou e não pediu a suspeição do Gilmar para não comprometer a evolução da empreitada golpista conduzida por Eduardo Cunha e Temer. Ele poderia ter invocado o inciso V do artigo 144 do CPC, que impede o juiz de exercer funções no processo “quando for sócio ou membro de direção ou de administração de pessoa jurídica parte no processo”.

A suspeição do Gilmar, por isso, teria de valer também para o próprio Janot, personagem que atua com parcialidade e facciosismo. Nos momentos cruciais, Janot só aplica a Lei quando esta não interfere na caçada ao Lula e ao PT e não prejudica a continuidade do golpe, como é o caso da recusa em investigar as denúncias de mais de 40 milhões de dólares de propinas supostamente negociadas pelo usurpador Temer com a Odebrecht.

Gilmar e Janot têm atuação incompatível com as altas funções que ocupam no sistema jurídico brasileiro. Ambos deveriam ser destituídos dos cargos para os quais não estão preparados e a partir dos quais perpetram ataques à Constituição e erodem o Estado de Direito.

Fonte: Brasil247

JUIZ DE BRASÍLIA MANDA FECHAR O INSTITUTO LULA

A Justiça Federal do Distrito Federal determinou nesta terça-feira a suspensão das atividades do Instituto Lula em decisão tomada no âmbito da ação penal em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é acusado de tentar obstruir as investigações da operação Lava Jato.

Em sua decisão, o juiz substituto da 10ª Vara Federal do Distrito Federal, Ricardo Augusto Soares Leite, disse que, pelo teor do depoimento dado por Lula à Justiça, verificou que a sede do instituto pode ter sido “instrumento ou pelo menos local de encontro para a perpretação de vários ilícitos criminais”.

Fonte: Brasil247